Corretora de Criptomoedas Huobi Suspende Serviços para Moradores do Japão.

A corretora de criptomoedas Huobi notificou seus clientes no fim do mês de junho, que fechará contas de usuários residentes no Japão. De acordo com a Huobi, a decisão deles surgiu como resultado de problemas com a lei japonesa.

Segundo publicação do site News.bitcoin.com, a Huobi planeja remover a versão japonesa de seu site a partir de 2 de julho e parar de fornecer serviços de corretagem para os residentes no Japão. Embora o anúncio ainda não esteja visível na página oficial da empresa, mais detalhes devem aparecer nas próximas horas, disse um administrador da Huobi.

Em sua página, a Huobi afirma que a empresa lida com ativos eletrônicos por meio da Internet e da rede de telecomunicações, cumprindo as leis de cada país ao conduzir atividades de negócios. A Huobi Global Limited é uma empresa registrada e estabelecida na República das Seicheles.

Nos últimos meses, a Japanese Financial Services Agency (FSA) continuou impondo novas sanções às corretoras de criptomoedas, para as quais alguns traders japoneses expressaram sua frustração. No entanto, eles também acreditam que as regras do governo e os regulamentos de moedas digitais beneficiarão a indústria local desse setor, a longo prazo.

“É realmente problemático que a FSA não nos avise antes de enviar uma ordem de melhoria de negócios, por exemplo, que resultou em uma suspensão temporária das atividades”, disse Mas Hihara, o tecnólogo japonês de blockchain, consultor e empresário.

Na China, apesar das autoridades banirem oficialmente as criptomoedas do comércio de renminbi (CNY), há rumores na indústria de que o governo chinês ainda está mostrando interesse na moeda digital. De acordo com alguns relatórios, há uma chance de que Pequim realmente invalide a proibição do comércio de criptoativos.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.