Empresa de gestão de ativos de Hong Kong vai lançar Crypto Vault.

mm
Front view on a green key made to resemble a circuit board and placed in front of binary computer code.

Uma companhia de gestão de ativos de Hong Kong está se preparando para lançar um serviço de custódia de criptomoeda. O Fusang Vault, como será chamado, é uma criação do Fusang Investment Office.

Segundo o site NewsBtc.com, espera-se que o Fusang Vault seja lançado no quarto trimestre de 2018. O diretor executivo do escritório de investimentos da Fusang, Henry Chong, falou ao jornal local, South China Morning Post ,sobre a importância dos serviços de custódia de terceiros para criptomoedas.

Segundo o executivo, essas empresas devem poder armazenar ativos para os clientes, além de prestar serviços de auditoria. Chong disse à publicação:

“Os ativos digitais são semelhantes aos títulos ao portador. Quem presume a segurança é considerado o proprietário e não há registro de informações de garantia de propriedade. Portanto, a maneira como mantemos os ativos digitais protegidos é de suma importância”.

Detalhes precisos do Fusang Vault ainda são desconhecidos, segundo o Newsbtc, uma vez que Chong não deu mais informações sobre o funcionamento do próximo serviço de custódia. No entanto, o CEO afirmou que a Fusang estava trabalhando com várias seguradoras que forneceriam cobertura para os ativos digitais de seus clientes.

A corretora estrangeira de criptomoedas Coinbase também vem explorando soluções de custódia para criptomoedas e ativos digitais. A Coinbase Custody foi lançada recentemente com o objetivo de atrair investidores institucionais. Somente aqueles com saldos acima de US$ 10 milhões serão elegíveis para a última oferta da Coinbase. A empresa cobrará US$ 100.000 para configurar o serviço e 0,1% do saldo de cada cliente para continuar usando o serviço de Custódia da Coinbase.

Em sua primeira semana de operação, a Coinbase Custody aceitou as solicitações de 10 clientes institucionais diferentes que atendiam aos critérios necessários e buscavam armazenamento de criptomoedas.

O relatório do South China Morning Post afirma que são necessários mais serviços de custódia para que os atores institucionais entrem no mercado de câmbio digital. Isso ocorre porque vários gerenciadores de ativos estão interessados ​​em negociar moedas digitais, mas não têm certeza de como armazená-la corretamente, pois a segurança adequada dos ativos digitais é diferente de qualquer coisa que tenham encontrado anteriormente.

Espera-se que, uma vez que a infraestrutura da criptoeconomia se desenvolva o suficiente, muitos investidores institucionais se sintam à vontade para entrar no mercado.

Fonte: Newsbtc.com
https://www.newsbtc.com/2018/07/23/hong-kong-asset-management-firm-preparing-to-launch-crypto-vault-for-hnwis/

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.