Exclusivo: Consensys corta 13% do time devido à baixa do Ether.

mm

A notícia foi divulgada por meio de telefonemas aos funcionários que estavam no Stand da empresa, que participava do evento La Bit Conf no Chile. Todos foram pegos de surpresa. O stand ficou vazio. Fontes internas acreditam que o corte pode chagar a 40% da empresa.

Outras informações dão conta de que dias atrás um e-mail da empresa teria vazado. Nele, estava o alerta de que se o Ether caísse para menos de 100 dólares, a companhia iria cortar mão de obra. O Ethereum chegou a ser cotado hoje (06/12) a US$ 97,84.

A queda no preço do bitcoin, ethereum e XRP (assim como o mercado de criptomoedas, como um  todo) no último mês, está fazendo com que as empresas repensem suas estratégias. O co-fundador da Ethereum e CEO da ConsenSys, Joseph Lubin disse, segundo reportagem da revista Forbes do dia 05 de dezembro, que planejava reestruturar a ConsenSys para protegê-la contra a recente crise, responsável por perdas de mais de 40% em questão de semanas.

Éter token negociável da Ethereum caiu mais de 50% desde o início de novembro.

A ConsenSys de Lubin estaria agora se reorganizando, entrando em uma nova fase que ele chama de ConsenSys 2.0, focando na eficiência, responsabilidade e atenção à receita.

A Forbes diz que, de acordo com uma carta da Lubin aos funcionários da ConsenSys, vista pela revista Breaker, muitos projetos da ConsenSys serão cortados e o braço da ConsenSys que supervisiona o investimento de risco se tornará um acelerador de startup tradicional.

 

 

Siga nossas páginas nas redes sociais!

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.