fbpx

Jair Bolsonaro e seu “governo Bitcoin”

governo

Segundo matéria de Wagner Tamanaha no steemit, a  revista Veja fez um balanço dos 100 dias do governo Jair Bolsonaro e no meio da matéria revelou um suposto apelido que define o novo estilo de governar que faz um paralelo com a revolucionária invenção do Satoshi Nakamoto. Segue abaixo o trecho da reportagem:

No Congresso, a fixação do presidente na internet já rendeu um epíteto: “governo bitcoin”. “Tem muito capital político, mas não consegue concretizar as ideias. Tente comprar um cafezinho na lanchonete com bitcoin para ver se você consegue”, explica o deputado Luiz Flávio Gomes (PSB-SP)

O apelido inusitado em função da situação política do presidente do Brasil e da situação tecnológica do Bitcoin é interessante naquilo em que revela as percepções de uma classe de brasileiros que já ouviu falar do Bitcoin, mas entende que ele ainda não funciona muito bem. A alfinetada no presidente de que ele seria como o Bitcoin indica a visão negativa sobre a criptomoeda bem como sobre Bolsonaro.

Há muitas coisas que poderiam ser ditas sobre isso tudo, mas vou me limitar às que considero principais.

1- A falta de maior educação financeira e em torno das criptomoedas se revela entre os políticos também

Há uma ideia de que para ser político, o sujeito precisa ser muito esperto, mesmo acima da média. Mas na prática, nem sempre é isso o que ocorre. Nossos políticos por vezes são tão ou mais mal informados do que a população média, de forma que quando um político fala algo, isso não é sinônimo de uma verdade vinda de um especialista em alguma área do conhecimento. Dessa forma, podemos ter na fala do deputado supra citado, quem sabe, uma mera frase infeliz. Mas vamos olhar isso mais de perto.

2- A comparação entre um suposto grande capital político do Jair Bolsonaro versus uma pobreza de consecuções e um grande potencial do Bitcoin versus uma pobreza de realizações é interessante, mas deixa de lado muitos pontos essenciais.

As dificuldades pessoais e políticas de Jair não podem ser compradas com as dificuldades técnicas do Bitcoin em torno de adesão e escalabilidade no momento atual de desenvolvimento. Deveria ser óbvio que Bolsonaro está em fase avançada de sua vida política enquanto o Bitcoin está em fase inicial de sua vida tecnológica e econômica.

Conclusão

É claro que o deputado quis criar apenas uma comparação crítica ao presidente do Brasil e usou o Bitcoin para isso sem pretender uma análise ou representação real do Estado de questão, até por que se o fizesse poderia perceber que comparar Bolsonaro com Bitcoin dá muita moral ao presidente. Explico.

O Bitcoin é uma revolução sem precedentes com potencial de mudar o mundo para melhor. Será que o crítico do governo atual diria o mesmo sobre o ex-capitão? Seria ele alguém que represente tamanha revolução e potencial?

Certamente esse não foi o intento, de isso revela que a análise do deputado do fenômeno do Bitcoin é absolutamente superficial e serviu unicamente para criar um apelido infantil ao presidente da república. A situação é a cara do Brasil. Incompetência, infantilidade, superficialidade e briguinha de quinta série nos “altos escalões” da vida nacional.

Ezequiel Gomes

Liquidez e segurança. Compre bitcoin na corretora que possui as MENORES taxas do mercado. Utilize o cadastro simplificado e veja como é fácil abrir sua conta! Acesse:  https://bit.ly/2SuAHp1

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com
Infochain VIP | Conteúdo Exclusivo em Primeira Mão
Receba em seu e-mail notícias e artigos sobre Blockchain e Criptoeconomia e entenda como essa tecnologia está impactando o mundo.
Não gostamos de spam! E protegeremos seu email como se fossem bitcoins.