Morgan Stanley terá produto para Bitcoin.

mm

Um dos maiores bancos de investimentos do mundo está criando, silenciosamente, um produto que permitirá que seus clientes negociem Bitcoin.

De acordo com o site CCN, o canal Bloomberg informou, citando uma fonte familiarizada com o assunto, que o Morgan Stanley, o sexto maior banco dos EUA em ativos, está criando um produto derivativo que dará aos investidores “exposição sintética” ao preço do bitcoin.

Um trecho da reportagem diz que “o banco dos EUA vai negociar contratos que dêem aos investidores exposição sintética ao desempenho do Bitcoin, disse a fonte, que pediu para não ser identificada porque a informação é privada. Os investidores poderão fazer negociações usando os chamados swaps de retorno de preço, e o Morgan Stanley cobrará um spread para cada transação, disse a fonte sigilosa”.

O relatório indicou ainda que o Morgan Stanley (cujo CEO, James Gorman, disse no início do ano que a empresa não permitirá que os clientes negociem criptomoedas diretamente por meio do banco), está “tecnicamente preparado” para começar a oferecer esses swaps de bitcoin, enquanto aguarda a conclusão de um processo interno de aprovação e demanda de investidores institucionais.

O banco se junta a um número crescente de grandes instituições financeiras que estão avaliando a melhor forma de integrar criptomoedas em suas linhas de produtos institucionais.

Tanto o Goldman Sachs quanto o Citigroup, respectivamente o quarto e o quinto maiores bancos dos EUA, planejam oferecer produtos derivados de bitcoin a seus clientes. O JPMorgan também começou a explorar formas de ajudar seus correntistas a investirem em criptomoedas, apesar do fato de o CEO Jamie Dimon ter sido um dos maiores críticos ao bitcoin.

Enquanto isso, a Intercontinental Exchange (ICE), a operadora da maior bolsa de valores do mundo, a de Nova York, lançará em breve o primeiro produto futuro de bitcoin entregue fisicamente, o que significa que os contratos serão liquidados em BTCs em vez de dinheiro (como é o caso dos contratos futuros de bitcoin), produtos atualmente disponíveis nas bolsas de Chicago (CME e CBOE).

Fonte: CCN
https://www.ccn.com/morgan-stanley-is-building-a-bitcoin-swap-trading-product-report/

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.