Startup Blockchain quer se tornar a Wikipédia dos dados.

mm
Young business people working on a startup office.

A DIRT, uma startup blockchain que planeja desenvolver uma plataforma confiável para dados estruturados, levantou US$ 3 milhões em uma rodada de financiamento inicial. A empresa, sediada em San Francisco, nos EUA, disse que as companhias de investimento que participaram da rodada incluem a General Catalyst, a Greylock Partners, a Lightspeed Venture Partners, a Pantera Capital e outras, segundo o site Bitcoinmagazine.com.

Em um post do Medium, a empresa, que se descreve como uma “Wikipédia baseada em blockchain” quer tornar “economicamente irracional” o compartilhamento de informações falsas. A DIRT está procurando criar um protocolo para crowdsourcing de informações usando o blockchain Ethereum e organizar os dados do mundo para torná-lo livremente acessível a todos.

Com dinheiro, a DIRT planeja lançar seu protocolo junto com seu token nos próximos meses. Os tokens serão baseados no padrão Ethereum ERC20, fundamentais para os planos da empresa de tornar os registros confiáveis ​​em grande escala.

Falando à Bitcoin Magazine, o CEO da DIRT, Yin Wu, disse: “Nenhuma empresa deve ter o monopólio da informação e da verdade. Estamos construindo a DIRT porque acreditamos que dados estruturados sobre o mundo precisam estar disponíveis gratuitamente”.

“A DIRT está fazendo para os dados o que a Wikipédia fez com a enciclopédia – criar um banco de dados de informações confiáveis ​​que seja aberto e livre”.

Wu disse que o protocolo tornará possível para desenvolvedores de DApp (aplicações descentralizadas) de terceiros criarem um registro fechado por token (TCR) similar a como a Wikipedia usa sua comunidade para verificar dados.

“Registros fechados por tokens usam incentivos econômicos para coletar informações de qualquer tópico. Criar listas está na raiz da tomada de decisão: considerar opções, classificá-las, agir. A DIRT facilita a coordenação e construção dessas listas para inúmeras pessoas e tópicos “, observou.

A DIRT planeja criar uma nova maneira de coletar informações confiáveis ​​em escala, incentivando a honestidade. Um colaborador deve depositar tokens antes de poder contribuir para a plataforma.

Feito isso, a rede solicita uma votação para atestar as informações. Para obter informações precisas, os tokens da DIRT permanecerão com os dados como uma forma de “recompensa pela precisão da informação”. Informações incorretas, no entanto, resultarão em uma penalidade, em que o usuário que difundiu os dados errados perderá seus tokens.

“Semelhante à Wikipedia, a DIRT permite que qualquer pessoa contribua com informações. A DIRT mantém a precisão porque cada colaborador precisa depositar tokens para gravar dados. Se os dados estiverem corretos, eles serão compartilhados livremente. Se os dados estiverem incorretos, qualquer um pode contestar os dados e ganhar tokens para identificar esses fatos imprecisos. Nosso protocolo e plataforma tornam economicamente irracional a persistência da informação incorreta em um conjunto de dados”, diz um post no blog da DIRT, segundo o Bitcoin Magazine.

Fonte: Bitcoinmagazine.com
https://bitcoinmagazine.com/articles/silicon-valley-backs-blockchain-startup-wants-become-wikipedia-data/

 

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.