Três Pequenos Países que são Grandes em Blockchain.

mm
Flat design concept blockchain. security digital money. Vector illustrations. Isometric box and line.

Segundo o site argentino Cripto247, a OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico) destacou o valor da tecnologia Blockchain e o papel de três países (Ilhas Maurício, Sérvia e Bermudas) na adoção da plataforma descentralizada.

De acordo com o Cripto247, o Secretário-Geral da OCDE, Angel Gurria, falou sobre trabalhar para estabelecer padrões na tecnologia blockchain e tirar proveito de suas potenciais garantias também para a regulamentação.

“A Blockchain não é uma política, não é uma regulamentação, é uma ferramenta”, disse Gurria na abertura de um fórum sobre esta tecnologia digital que garante a precisão de transações on-line.

[blockchain é uma tecnologia que tem o objetivo de descentralizar dados como medida de segurança. Informações são registradas em uma “cadeia de blocos” (daí o nome em inglês), para garantir a confiabilidade e a imutabilidade dos dados.]

Gurria disse que o primeiro objetivo é que os governos compreendam o funcionamento desses registros que, graças ao que está sendo compartilhado por milhões de computadores conectados, garante que as transações sejam verificáveis, permanentemente e anonimamente, sem intermediários.

Os primeiros-ministros (das Ilhas Maurício, Sérvia e Bermudas), que se destacaram como líderes na adoção desta tecnologia digital, participaram de uma sessão inaugural do fórum, com cerca de 500 especialistas participantes.

O chefe político das Ilhas Maurício, Pravind Kumar Jugnauth, ressaltou que o uso da Blockchain e mecanismos de identificação pessoal para pagamentos seguros, aumentam a produtividade econômica e são eficientes em termos de custos.

A Primeira-ministra da Sérvia, Ana Brnabic, que fez da digitalização da sociedade a sua prioridade política, destacou as “enormes oportunidades de desenvolvimento”.

Para Brnabic, não há “melhor resposta em termos de transparência” do que a implementação do “governo eletrônico”.

O representante das Bermudas, David Burt, disse que, uma vez que a falta de serviços bancários de uma parte da população mundial é um freio em seu desenvolvimento, a Blockchain pode ajudar a resolver obstáculos no acesso das populações pobres aos serviços bancários.

Fonte: Cripto247
https://www.infobae.com/cripto247/mercados/2018/09/05/los-tres-pequenos-paises-que-son-grandes-en-blockchain/

 

Siga nossas páginas nas redes sociais!

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.